Com preços populares, Cruzeiro lançará modalidade do sócio-torcedor para pessoas com deficiência

A Minas Arena e o Cruzeiro estão perto de oficializar uma ação que beneficiará pessoas com deficiência (PCD’s) que frequentam o Mineirão nos jogos da Raposa. Está previsto para os próximos dias o lançamento de uma nova categoria do programa de sócio-torcedor celeste, direcionada especificamente para os PCD’s. 

Segundo apurou o Hoje em Dia, torcedores que se associarem à nova modalidade do Sócio do Futebol terão cerca de 60 cadeiras à disposição no setor vermelho inferior do Gigante da Pampulha. Ainda de acordo com informações recebidas pela reportagem, o valor da categoria específica para as pessoas com deficiência terá preços “extremamente populares”, e o associado poderá usufruir do direito de retirar sempre dois ingressos, um pessoal e outro para levar o acompanhante. 

De acordo com a Minas Arena e o Cruzeiro detalhes jurídicos estão sendo finalizadosp para o lançamento oficial da nova modalidade do Sócio do Futebol. A previsão é que até o fim da semana o clube oficialize o nome da nova categoria e o projeto.  

Vida facilitada

O Cruzeiro tem o direito de comercializar 54 mil ingressos em seus jogos no Mineirão, mas as cadeiras destinadas às pessoas com deficiência estão localizadas em setores que são exclusivos da Minas Arena (que detém oito mil assentos dos 62 mil totais do estádio). Esse detalhe impedia o clube de priorizar com mais atenção o caso dos cruzeirenses com deficiência. 

Sendo interpelada rotineiramente por torcedores com deficiência, a diretoria celeste abriu diálogo com a administradora do estádio e conseguiu que a própria Minas Arena destinasse alguns lugares do Gigante da Pampulha para a formatação dessa nova modalidade do programa de sócio-torcedor.

“Isso vai ser algo excelente para nós. Sou Sócio-torcedor da categoria Cruzeiro Sempre, posso comprar o ingresso mais barato, mas sempre tenho dificuldade de adquirir mais de um bilhete em determinados jogos. Com essa nova modalidade a história vai ser diferente. Teremos comodidade para entrarmos no estádio e um lugar nosso”, comemora o fundador da torcida “Cruzeiro Eficiente”, Leônidas Bisneto. 

Informações preliminares apontam que Cruzeiro e Minas Arena dividirão os ganhos pela comercialização da nova categoria de sócios, sendo a maior parte destinada à gestora do Mineirão, responsável pelo espaço onde ficarão os torcedores. 

ATENÇÃO: a fonte das matérias publicadas neste blog, sempre será indicada. Caso tenha alguma dúvida sobre a matéria ou algo nesse sentido, peço a gentileza em entrar em contato com os responsáveis pela a fonte.

Fonte: site do jornal Hoje em Dia por Guilherme Guimarães com foto de Cristiane Mattos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*
Website