Policial se disfarça para capturar assaltantes de cadeirantes e tem uma grata surpresa

Foto do policial fardado e foto dele na rua fingindo ser um cadeirante.Após dois assaltos a pessoas em cadeira de rodas que foram realizadas com uma faca, um oficial da polícia de Vancouver resolveu se disfarçar para poder resolver o caso.

O Sargento Mark Horsley assumiu então o papel de um cadeirante.

Nomeado Operação Cadeira de Rodas pelo departamento de polícia, o objetivo era encontrar a pessoa ou pessoas responsáveis por vitimar esses que estavam mais vulneráveis por causa de suas deficiências.

O oficial esperava que as pessoas se aproveitassem dele ou talvez até mesmo o roubassem. Mas não foi isso que aconteceu. Nem mesmo de perto.

Em vez disso, ele conheceu outros membros da comunidade que utilizam cadeira de rodas.

Outra parou para conversar com o funcionário sobre sua própria mãe, que estava em uma cadeira de rodas. Durante o encontro, o homem estendeu a mão em direção a bolsa de cintura do policial, onde parte de seu dinheiro estava caindo.

Mas veja só: Ele não estava tentando roubá-lo. O homem, apenas fechou e gentilmente advertiu o oficial para ter cuidado.

Para sua surpresa, em vez de ser vítima, viu repetidas demonstrações de bondade humana. E não parou por aí.

Além desses atos nobres, durante o disfarce o policial provocou diversas situações em que as pessoas poderiam ser desonestas, mas ninguém foi. Em vez disso, no final da operação, o oficial tinha 24,75 dólares a mais do que começou o dia.

Nós costumamos ver notícias sobre pessoas fazendo coisas ruins, mas essas não são as únicas histórias. A realidade é que existem muitas pessoas boas no mundo que tratam os outros com respeito e consideração. Isso pode não ser de interesse jornalístico, mas vale a pena lembrar e compartilhar.

Como Horsley disse ao site Up Worthy: “Nem uma pessoa se aproveitou da minha vulnerabilidade… O carinho e compaixão expressa a mim em meu papel à paisana foi inspirador.”

Fonte: site Razões para acreditar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*
Website