Governo cria a primeira central de Intérpretes de MT

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh), colocará em funcionamento a primeira central de intérpretes da Língua Brasileira de Sinais (Libras) de Mato Grosso. A equipe de profissionais será incorporada ao Centro de Referência em Direitos Humanos (CRDH) e passará a atender esta parcela da população, oficialmente, a partir de 28 de setembro. 

Foto do prédio da Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh).

A central de intérpretes, inicialmente composta por quatro profissionais, prestará atendimentos diversos aos deficientes auditivos que vivem em Mato Grosso, desde acompanhamento para que sejam sanadas dúvidas jurídicas e de transporte público até tradução simultânea de eventos onde seja necessário. 

Segundo a coordenadora do Centro de Referência, Eliane Ferreira Marques de Almeida, esta será a primeira vez que a população do estado que possui esta necessidade especial terá um local para auxiliá-la. O último censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), realizado em 2010, aponta que mais de 100 mil mato-grossenses são portadores de deficiência auditiva. 

Desde sua criação, o Centro de Referência em Direitos Humanos realiza atendimentos jurídicos e psicossociais por meio de articulação com órgãos federais, estaduais e municipais para garantir a promoção e defesa dos direitos humanos de pessoas e grupos em situação de vulnerabilidade social. O trabalho, no entanto, deve ser aprimorado com a colaboração de intérpretes de libras. 

“A partir de agora, se um deficiente auditivo precisar ir ao aeroporto e pedir informações, um intérprete poderá acompanhá-lo. Se uma mulher precisar ir a uma consulta médica, poderá ser acompanhada por uma intérprete mulher. Além disso, seminários, conferências e em vários outros eventos esses profissionais irão acompanhar para fazer a tradução”, esclareceu a coordenadora. 

Apesar de a inauguração oficial da central de intérpretes estar marcada para o dia 28 de setembro, os atendimentos já estão em fase de treinamento. O Centro de Referência está localizado na Rua Pedro Celestino, número 291, no Centro de Cuiabá. Mais informações pelo telefone (65) 3624-4730. 

Fonte: site Folha Max.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*
Website