Facebook está usando Inteligencia Artificial para descrever fotos e ajudar deficientes visuais

O Facebook está melhorando as timelines para deficientes visuais, para que esses não ouçam apenas o texto das publicações, mas também uma breve descrição sobre o que cada imagem contém.

Para descrever as imagens publicadas, o Facebook criou um sistema de visão computacional com uma rede neural treinada para reconhecer vários conceitos, incluindo lugares e a presença de pessoas e objetos. A plataforma analisa cada imagem em busca da presença de diferentes elementos, e então cria uma frase curta sobre a foto.

Os usuários irão escutar, por exemplo: “A imagem pode conter: duas pessoas, sorrindo, óculos de sol, céu, árvore, área externa”.

O Facebook está usando o termo “pode conter” nas descrições, mas a empresa diz que pode identificar pelo menos um conceito relevante com precisão de 80% em mais da metade das fotos da rede social.

Sobre o novo recurso, o Facebook explica em um post no seu  blog:

“Antes disso, pessoas usando recursos que leem o que aparece na tela ao navegar no Facebook tinham acesso apenas ao nome do usuário que compartilhou a foto, seguido pelo termo “foto”, quando era o caso de uma imagem. Agora, nós podemos oferecer uma descrição mais rica sobre o que está na foto, graças ao automatic alt text. Por exemplo, alguém poderia ouvir: “imagem pode ter três pessoas, sorrindo, ar livre.”

Por enquanto, o novo recurso só está disponível em inglês, e pode ser acessado por meio da função “leitura de tela” em aparelhos iOS (Ajustes > Geral > Acessibilidade > Voice Over). A empresa já prometeu a funcionalidade para Android e a expansão para outras línguas em breve.

Fonte: site Teciber por Heráclito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*
Website