Detran disponibiliza carro que vai diminuir custos de CNH para deficientes físicos

O diretor-geral do Departamento Estadual de Trânsito do Acre (Detran/AC), Pedro Longo, realizou a entrega de um veículo adaptado ao Sindicato dos Centros de Formação de Condutores, na manhã desta quarta-feira, 5, que vai favorecer a obtenção da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) por pessoas com deficiência física.

O veículo foi doado ao Detran pela Federação Nacional das Empresas de Seguros Privados e de Capitalização (Fenaseg), por meio de um projeto que o departamento apresentou à instituição, disponibilizado-o às autoescolas no intuito de diminuir os custos do processo de habilitação de pessoas com deficiência física.

“Considerando a importância de integrar as pessoas com necessidades especiais, nossa equipe se empenhou em buscar parcerias para possibilitar que elas obtenham a CNH sem precisar desembolsar valores excessivos”, explicou o diretor-geral do Detran, Pedro Longo.

De acordo com o presidente do Centro de Apoio às Pessoas com Deficiência Física do Acre (Capedac), Edivânio Barbosa, esse é um momento de comemoração e gratidão, já que antes o valor do processo de habilitação para pessoas com deficiência chegava a custar R$ 1 mil reais a mais que o comum.

“Tenho muitos colegas que estão tentando obter mais qualidade de vida e melhores condições de locomoção e independência por meio da direção e acabavam impedidos pelo valor alto cobrado no aluguel de um carro adaptado para as aulas e testes práticos, já que as autoescolas não disponibilizam veículos adaptados”, explicou Edivânio.

Humanizando o atendimento à categoria

Na oportunidade, o diretor do Detran anunciou a contratação de um facilitador no processo de habilitação de pessoas com deficiência. Um instrutor, também com deficiência física, é indicado pela Capedac para melhorar o atendimento das autoescolas à categoria.

“A intenção é humanizar o atendimento, já que essa pessoa terá a competência necessária para colaborar e compreender o universo de quem tem necessidades especiais. Vamos capacitar essa pessoa e disponibilizar ao sindicato das autoescolas” explicou Pedro Longo.

ATENÇÃO: a fonte das matérias publicadas neste blog, sempre será indicada. Caso tenha alguma dúvida sobre a matéria ou algo nesse sentido, peço a gentileza em entrar em contato com os responsáveis pela a fonte.

Fonte: site Agência / Notícias do Acre por Daigleíne Cavalcante (matéria e fotos).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*
Website