Deficientes visuais ganham sessão especial de cinema

Foto de várias pessoas em uma sala de cinema assistindo a um filme.Neste sábado (25), às 11h, o Sesc* leva cerca de 100 deficientes visuais para uma sessão especial de cinema, o “Cinemagine”, no Cinépolis RioMar. Essas pessoas fazem parte do projeto Sesc Ativo – Núcleo Pessoa com Deficiência, da Associação de Cegos do Estado do Ceará (ACEC), do Centro de Referência em Educação e Atendimento Especializado do Estado do Ceará (CREACE) e do E.E.F. Instituto dos Cegos.

O objetivo é possibilitar às pessoas com deficiência a diversificação das vivências, ampliando suas experiências de vida, estimulando a socialização, proporcionando a interação com a sua cidade, o que favorecerá na inclusão social e educacional destas pessoas.

A ação é uma iniciativa do redator criativo Fernando Christo, da Mirum, e da rede Cinépolis com a exibição “Cinemagine”, que acontece no dia 25 de abril em todas as salas 4DX Cinépolis do Brasil. Deficientes visuais não pagam e a renda será revertida para instituições que auxiliam deficientes visuais.

Por meio de sua renovada exibição 4DX, uma nova tecnologia cinematográfica que utiliza a variedade de efeitos físicos e sensoriais – incluindo assentos com vibração, vento, aromas, iluminação, água e assim por diante –, torna-se possível entregar uma experiência cinematográfica completamente imersiva que simula os cinco sentidos humanos.

A exibição, que compreende duas históricas fictícias (Um pato no país das maluquices e A corrida de cangurus), foi transformada de um simples arquivo de áudio em uma combinação de efeitos especiais perfeitamente balanceados e coreografados, o que adiciona uma nova camada de entretenimento. Por exemplo, os movimentos rítmicos e asvibrações das cadeiras se movem em sincronia com a música de fundo, a fim de desenvolver um sentimento de alegria e excitação. Além disso, os movimentos e as ações que os personagens experimentam são replicados por meio de uma combinação certeira de efeitos físicos e sensoriais.

Com apoio do Instituto Paranaense de Cegos, uma exibição especial com crianças deficientes visuais foi realizada na sala 4DX do Shopping Pátio Batel, em Curitiba. O resultado, segundo Christo, não poderia ter sido mais especial: “A minha surpresa, ao perceber a emoção que todos estavam sentindo, foi ter a impressão de que aquele parecia ser o uso mais adequado para a sala, e não o que a gente está acostumado a ter com a experiência visual”.

*Entidade mantida pelos empresários do comércio.

Fonte: site Ceará Agora por Antônio Cardoso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*
Website