Centro de apoio oferece cursos gratuitos de ‘Braille Fácil’ e ‘Surdocegueira’ para profissionais e familiares

De acordo com a assessoria, os cursos serão oferecidos no final do mês de agosto e no meio do mês de setembro, e ao todo serão oferecidas 60 vagas.

De 29 de agosto a 02 de setembro acontece a primeira fase, ministrada pela professora Rosa Hissae Takiuchi, preferencialmente para professores de Salas de Recursos que possuem impressora Braille. A ideia é capacitar os profissionais para o uso desses aparelhos.

Segundo Valdite Herinzen, diretora do Casies, isso melhora a qualidade do ensino. “Além disso, o cursista irá conhecer as funções do Programa Braille Fácil – que um editor de textos com funções especializadas, visualizadores e impressor de Braille, com compatibilidade com o padrão unificado Brasil-Portugal, utilitário para retoques em Braille e funções utilitárias para produção de Braille e configuração para diversos tipos de impressão”, aponta.

O curso de Surdocegueira acontece de 12 a 16 de setembro, ministrada por profissionais do Casies e do Centro Estadual de Atendimento e Apoio ao Deficiente Auditivo (Ceaada).

No total, são 40 horas de aula para esclarecer e orientar os alunis sobre as definições e as implicações do surdocegueira e da deficiência múltipla sensorial, com estratégias de ensino para profissionais da educação que atuam ou atuarão com surdocego.

Serviço

Local de inscrição: Casies
Endereço: Rua dos Crisântemos nº 16
Telefones – (65) 3623-7612 ou 3321-4346

Fonte: site Olhar Conceito por Isabela Mercuri. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*
Website